Notícias

15/04/2019

Macau reforça relações na área dos diamantes

O Governo de Macau afirmou ontem que a aplicação do processo Kimberley no território, que vai atestar a origem legal dos diamantes vendidos no mercado internacional, vai reforçar a relação comercial com Angola.

“Há empresas de Angola que já manifestaram interesse em fazer comércio em Macau depois da aplicação deste regime. E estão dispostas e interessadas em reforçar a relação comercial” com o território, afirmou o secretário para a Economia e Finanças.

Lionel Leong Vai Tac falava numa reunião plenária da Assembleia Legislativa, durante a qual foi aprovada, na generalidade, a proposta que visa estender ao território a aplicação do processo Kimberley.

Criado em 2003, o processo Kimberley tem como objectivo atestar a origem legal dos diamantes vendidos no mercado internacional, para impedir o comércio dos chamados “diamantes de sangue”, extraídos de zonas em guerra.

Além do manifesto interesse por parte de Angola, também “já há empresas do interior da China que pretendem registar-se em Macau para serem comerciantes nesta área”, afirmou o responsável.

O Governo de Macau considerou que a promoção da indústria de diamantes no território, “apenas possível” com a aplicação deste regime, vai contribuir para a diversificação adequada da economia.

“A extensão deste sistema a Macau vai contribuir para a criação de novas indústrias”, afirmou Lionel Leong, nomeando a indústria de importação e exportação, mas também a das exposições e convenções e do design de joalharia.

“A aplicação deste processo vai contribuir para uma cadeia de fabrico”, salientou o governante.

Alguns deputados mostraram-se preocupados com a questão do branqueamento de capitais, mas Lionel Leong assegurou: “quem infringir os diplomas legais, vai ser alvo de sanção”.

De acordo com a proposta de lei, os Serviços de Economia e os Serviços de Alfândega vão ser as autoridades competentes para verificar os diamantes em bruto e a estabelecer o regime sancionatório.

Em Junho do ano passado, Macau assinou um acordo com a Bolsa de Diamantes de Xangai, para ser um centro de comércio de diamantes, aproveitando o papel de plataforma entre a China e os países lusófonos, que detêm a matéria-prima.

Fonte: Jornal de Angola (13/04/2019)

mais informação

Últimas

Sagrada Esperança trava 1º de Agosto

O Sagrada Esperança empatou por uma bola frente ao 1º de Agosto, em jogo a contar para 27ª jornada do Girabola Zap, no ...

CSE acolhe semana da saúde ocupacional

Iniciou ontem, na Clínica Sagrada Esperança, Ilha de Luanda, a Semana da Saúde Ocupacional (SSO) , que acontece de 23 a ...

Sagrada Esperança derrotado pelo FC Bravos do Maquis

O Sagrada Esperança foi derrotado pelo FC Bravos do Maquis (FBM) , em jogo a contar para a 26ª jornada do Girabola ...

Nomeações na ENDIAMA E.P.

O Presidente do Conselho de Administração da ENDIAMA E.P, José Manuel Ganga Júnior, procedeu à nomeação dos ...

Venezuela procura apoio de Angola no domínio dos diamantes

O novo Embaixador da República Bolivariana da Venezuela em Angola, Marion Penã Labrador, disse ontem, em Luanda, que o ...

Nota de Imprensa

     17/04/2019    Aos órgãos de Comunicação social     Luanda, Angola O Conselho de Administração da ENDIAMA E.P ...

Delegação Saudita aborda cooperação na ENDIAMA

Uma delegação técnica do Ministério da Energia, Indústria e Recursos Minerais  da Arábia Saudita, esteve esta ...

Macau reforça relações na área dos diamantes

O Governo de Macau afirmou ontem que a aplicação do processo Kimberley no território, que vai atestar a origem legal ...

Iniciaram hoje as Jornadas do Mineiro

Iniciaram hoje, no anfiteatro do Ministério dos Recursos Minerais e Petróleos, em Luanda, as jornadas do mineiro, que ...

JORNADA DO MINEIRO

JORNADA DO MINEIRO/19 DE 15 A 27 DE ABRIL O Conselho de Direcção do Ministério dos Recursos Minerais e Petróleos ...

Escola “Brilhantes do Amanhã” inaugurada no Cuango

A Sociedade Mineira do Cuango, procedeu, a 3 de Abril, à entrega de uma escola primária  ao Governo Provincial da ...

PRESS RELEASE ALROSA

ALROSA e Endiama assinaram um Memorandum de Entendimento MOSCOVO, 4 de abril de 2019 - A ALROSA, a maior empresa de ...

CATOCA almeja produzir mais de 7 milhões de quilates em 2019

O Director de Planeamento e Controlo da Sociedade Mineira de Catoca, Marçal Vigário, disse ontem, na Lunda-Sul, que a ...

Sagrada Esperança derrotado pelo Petro de Luanda

O Sagrada Esperança foi derrotado por 2-0, pelo Petro de Luanda, em jogo a contar para a 21ª Jornada do Girabola ...

PR a caminho da Rússia

O Presidente da República, João Lourenço, partiu hoje para a Rússia para uma visita de trabalho de quatro dias. Em ...

PR DESTACA IMPORTÂNCIA DAS REFORMAS NO SECTOR DIAMANTÍFERO

O Presidente da República, João Lourenço, afirmou hoje, em Luanda, que diversos investidores estrangeiros têm ...

Saurimo terá fábrica de lapidação de diamantes

O Presidente da República, João Lourenço, autorizou, por Despacho Presidencial Nº36/19 de 25 de Março, a ...

Mina do Lulo dá receita de 141 milhões de dólares

Desde o arranque da exploração comercial, a mina vendeu 80.400 quilates, 19.196 dos quais em 2018, ano em que a ...

Empresas de Hong kong desenvolvem tecnologias para detectar diamantes amarelos

Hong kong-baseado no desenvolvimento de tecnologia para a detenção de laboratório-crescido, imitação e diamantes ...

ENDIAMA e Association of Jewellers and Diamond Manufacturer of Arménia assinam memorando

O Presidente do Conselho de Administração da ENDIAMA E.P, José Manuel Ganga Júnior e o representante do Ministério de ...

ENDIAMA e EQUINOX assinam acordo de confidencialidade

A ENDIAMA E.P e a empresa nigeriana Equinox, celebraram hoje  um acordo de confidencialidade relacionado com a ...

ENDIAMA PARTICIPA EM FÓRUM SOBRE COMUNICAÇÃO INSTITUCIONAL

O Gabinete de Marketing Comunicação e Eventos da ENDIAMA E.P, participou hoje, em Luanda, no fórum sobre “Comunicação ...

Arménia formará 150 quadros angolanos

A República da Arménia formará, nos próximos tempos, 150 especialistas angolanos no domínio de processamento de ...

Luó completa 16 anos de existência

Em alusão ao 16º aniversário da Luó, que completa hoje, 27 de Março, mais um ano de existência, e de acordo com o ...

MIREMPET busca investimento em Espanha

Uma delegação chefiada pelo Secretário de Estado da Geologia e Minas, Jânio Corrêa Victor, participou hoje, em Madrid, ...

Potencial do Lulo ultrapassa os 90%

Um estudo levado a cabo pela consultora externa Z Star Mineral Resource Consultant, revelou que o potencial da Mina do ...

ENDIAMA realiza encontro com os medias

A Empresa Nacional de Diamantes de Angola ENDIAMA E.P, realizou, no dia 15 de Março, no Dundo, um encontro com os ...

PCA exorta Israelitas a produzir diamantes

O Presidente do Conselho de Administração da ENDIAMA E.P, José Manuel Ganga Júnior, exortou hoje, em Luanda, os ...

ENDIAMA entrega posto médico em Xá-Cassau

A Empresa Nacional de Diamantes (ENDIAMA E.P), procedeu, na Terça-Feira 12 de Março, à entrega de um posto médico ao ...

Fundação apoia Delegação Provincial da Saúde

Na passada Segunda-Feira, 11 de Março, uma delegação da Fundação Brilhante, deslocou-se ao Dundo, Província da Lunda ...

Nota de Imprensa