Notícias

01/05/2017

Reunião de Intersessão do P.K marcada por debates calorosos

Perth-Austrália 1 de Maio de 2017.

 A abertura oficial da reunião de intersessão do Processo de Kimberley, com o objectivo de rever reformas na organização, foi marcada por protestos apresentados pela delegação chinesa, devido à presença,sem consulta prévia, de representantes de Taiwan como convidados.

A polémica despoletou quando membros da delegação angolana referiram a inobservância de algumas das regras que norteiam a organização, referindo-se mormente à alteração da logomarca da organização e à reclamação apresentada por membros da delegação Chinesa que, repetidas vezes, interrompeu o discurso de abertura da reunião.

"Estamos perante um cenário irreconhecível e completamente diferente do ambiente habitual do Processo de Kimberley", sublinharam membros; visão partilhada pelos Ministros de minas da Namíbia, Zimbabwe e representantes da África do Sul.

De forma a reunir consenso para se restabelecer a ordem de trabalhos, o Presidente do P.K, Robert Owen Jones, manteve encontros bilaterais com as delegações de Angola, China, Zimbabwe, Africa do Sul, Namibia.

Ultrapassado o impasse e identificadas as reformas a serem efectuadas, assinalam-se: a inclusão do conceito de direitos humanos, a criação do secretariado permanente e um fundo fiduciário de multi doadores, o reconhecimento do mandarin enquanto língua de trabalhos no PK, e o novo layout do website da organização.

De recordar que o processo de Kimberley é um mecanismo de controle de comercialização de diamantes brutos no mercado internacional, criado no ano de 2000 na cidade de  Kimberley com o objectivo de cessar conflitos armados, fomentados pela venda de diamantes ilícitos.

Últimas

Bélgica quer avançar para gestão e produção de diamantes em Angola

Os governos de Angola e da Bélgica pretendem reforçar a cooperação, com destaque para o setor dos diamantes, com ...

Empresa canadiana vai explorar diamantes na Lunda-Norte

Tango Mining limited vai explorar uma concessão de diamantes em Angola ao abrigo de um contrato assinado com a ...

ENDIAMA E.P. anuncia caducidade de contractos de projectos sem identificação

A Diamantífera angolana (ENDIAMA E.P.), considera de caducados os vínculos com os projectos mineiros referentes as ...

Secretário de Estado fala sobre ADU

Jânio Correia Victor destacou a importância da participação de Angola na Conferência ADU

ENDIAMA na Conferência ADU

A delegação da ENDIAMA E.P manteve encontros com várias empresas.

Press Release

O Administrador para o Planeamento  Estratégico e Operações Mineiras da ENDIAMA E.P., Laureano Receado Paulo, integra a ...

Fórum Angola-Alemanha

O Presidente da República está na Alemanha para participar no 7º fórum Angola – Alemanha.

ENDIAMA no 49º Congresso Brasileiro de Geologia

Está a decorrer o 49ª congresso brasileiro de geologia.